turn-off-windows-defender-forever

As maneira mais comuns de desabilitar o Windows Defender no Windows 10 explicada na internet não funciona para todas as versões do Windows.

  • Selecionar a opção da janela de configuração “Desativar Windows Defender”. Funciona naquele momento, mas depois ele volta sozinho após a reinicialização do sistema.
  • Usando um software chamado NoDefender.
    Testei e não funcionou no Windows 10 Home Edition.
  • A outra é usando o Editor de Políticas (gpedit.msc), mas está indisponível no Windows 10 Home Edition.
  • A outra é alterando a prioridade de execução do Processo para Start = 4, mas na reinicialização, o Windows restaura os valores e volta com o Windows Defender.

Não tendo sucesso com as opções fornecidas nos fóruns, resolvi procurar na documentação da Microsoft e montei o documento de registro abaixo que pode ser colocado em editor de textos comum e salvo com a extensão “.reg”. No meu caso, renomeei para “turnoff_windowsdefender.reg”. Feito isso, você precisa clicar duas vezes sobre este arquivo para que ele seja importado para o registro do windows. No melhor dos mundos, seria só reiniciar e o windows defender não irá mais te perturbar.

Windows Registry Editor Version 5.00

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Policies\Microsoft\Windows Defender]
“DisableAntiSpyware”=dword:00000001

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Policies\Microsoft\Windows Defender\Real-Time Protection]
“DisableBehaviorMonitoring”=dword:00000001
“DisableOnAccessProtection”=dword:00000001
“DisableScanOnRealtimeEnable”=dword:00000001

Só que em um dos testes que eu fiz, os registros não foram importados e, neste caso, precisa fazer manualmente. Para realizar a alteração manualmente, acesse a ferramenta de manipulação do registro do Windows. Navegue pela hierarquia do registro através do caminho:

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Policies\Microsoft\Windows Defender]

Crie um valor DWORD (32 bits) com o nome de “DisableAntiSpyware”. Clique duas vezes sobre o valor criado e atribua o valor 1 e clique em OK.

Como a chave [Real-Time Protection] não deva existir, você deverá criar uma chave com este nome. Criada a chave, precisará criar os valores DWORD (32 bits) com os seguintes nomes: DisableBehaviorMonitoring, DisableOnAccessProtection e DisableScanOnRealtimeEnable, atribuindo o valor 1, tal qual fizemos com o primeiro valor.

Reinicie o windows e sinta-se livre para usar (ou não) a proteção que você quiser.

Quando você tentar acessar novamente o Windows Defender, verá a seguinte informação que indicará sucesso no seu processo:

turn-off-windows-defender

Vida longa e próspera!

Etiquetas:, , , ,
  1. Boa noite!
    Onde você acessou: [HKEY_LOCAL_MACHINESOFTWAREPoliciesMicrosoftWindows Defender] e em DisableAntiSpyware coloque o valor 0, depois acesse Windows Defender que volta a funcionar.

  2. André, bom dia!

    Fiz o reparo aqui exposto usando o método do scrip no editor de texto, funcionou maravilhosamente bem só que, o balão de avisos continua aparecendo acima do relógio, mesmo com o Windows Defender desativado definitivamente, como desativar os avisos do “balão”?

    Grato pela ajuda que vc possa dispensar a situação!

    • O balão é responsável pelas políticas de segurança do windows.
      Para que não apareça, você deve indicar que utiliza outra solução de anti-virus.
      Como não é necessário indicar qual, a mensagem passa a não ser exibida.

Leave a Reply